Páginas

domingo, 3 de outubro de 2010

Preconceito

Preconceito independente de que(racial,social,sexual e tantas outras), é uma das piores coisas-se não a pior-que se existe no mundo.Essa idéia pré-concebida de que todos têm que ser iguais deveria estar ultrapassada séculos atrás,me assusta em pleno século XXI ao conversar com um amigo,ele me alegar que "Se todos fossem a favor do despreconceito,todos virariam gays!"
Nada mais ignorante do que comentários desse tipo.Ignorância aliás é a palavra que melhor define o preconceito.As diferenças estão aí e devemos tirar esse pensamento de nossas mentes,há tanto para aprender quando se para de olhar para o passado e se olha para frente-e não estou falando só de preconceito.
Esse olhar esnobe,um olhar de inferioridade deveria estar em extinção.Tanta coisa de ruim no mundo e implicam logo com o amor.Amor é amor,independente se entre mulher e homem,ou mulher e mulher,homem e homem.Deveríamos estar abertos para ver o mundo com um novo ponto de vista,respeitar e aceitar as diferenças.Se não estivéssemos tão presos a conceitos antigos,aprenderíamos muito mais.
Aprender com as diferenças,saber que ninguém é igual a ninguém e ver o lado bom.
Se nos permitissemos conhecer o outro lado,sair do pré-conceito e entrar no pós-conceito,o pensamento seria completamente diferente.
Não é porque um cara é homossexual que ele vai querer te agarrar,não é porque ele é pobre que ele seja malandro e queira te roubar,não é porque ele é negro que ele seja menos inteligente e desonesto.
Maldade existe independente de classe social,raça ou opção sexual,agora paremos com a hipocrisia e sejamos sinceros com nós mesmos.Reflita sobre o que você pensa sobre o assunto,você está fazendo sua parte para acabar com o preconceito?
Cabe a nós,jovens,extinguir essas pragas que andam soltas por aí.Nós somos o futuro e para um futuro bem melhor,nossos olhos têm que estar voltados para frente.Pensem bem,vamos deixar essa praga continuar a solta até quando?Somos o futuro,mas também o presente,nós podemos mudar tudo-inclusive o preconceito-basta querer.

Escrito em 02/10/09.

4 comentários:

jefhcardoso disse...

Sim, depende dos jovens evoluir no sentido humanístico. Parabéns por seu texto consciente e de reflexão.
Poxa, esse seu amigo... sem comentários, Viiviih.

Abraço!

Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com que convida para ler “O Candidato” ou qualquer outra coisa...

Doce Nostalgia disse...

Que coisa linda é esse teu blog ^^
Tô seguindo aqui, e obrigada pelo me visitar lá!!!

Lindo texto!

Beijos flor!

OY disse...

concordo com vc! preconceito em um mundo em que nao somos só o reflexo de uma sociedade envolvida só leva a problemas primordiais, como os de se olhar no espelho toda a manha.
Se admitimos que temos preconceito? Acho que nao, preferimos olhar de esgueilha para o difrente, para o abstrato e quase desconhecido! Para o que nao se assemelha a nós, ao anormal (e o que é normal?)
_
olha so, me add no msn, podemos conversar sempre q quiser ^^
blair_leona@hotmail.com

Duanny!. disse...

adorei o texto.
Foi muito bem escrito e sincero.

=)